5 coisas sobre os aços especiais que você não sabia

25 julho 2018

Conheça algumas curiosidades sobre os aços especiais

aços especiaisOs aços especiais são aqueles que contam com percentual de carbono e adição de elementos de liga que, por sua vez, são responsáveis por atribuir as características de resistência à corrosão e cargas eletromagnéticas para esse tipo de material.

Por isso eles são empregados em larga escala na produção industrial de bens de consumo, já que assumem características de durabilidade e leveza.

Conheça a seguir, algumas atribuições dos aços especiais, conhecidos também como aços-ligas, que você certamente desconhecia. Confira.

1-) Os aços especiais foram descobertos por acaso em 1868, após o pesquisador britânico Robert Mushet observar, pela primeira vez, algumas características particulares de um aço com manganês e tungstênio temperados em ar. Com o resultado, o químico obteve um material robusto e resistente a qualquer tipo de desgaste. A partir de então, o componente resultado desse experimento acidental passou a ser utilizado em usinagem de materiais de alta dureza.

2-) Como não podia ser diferente, os aços especiais possuem subdivisões entre planos e longos. No primeiro caso se enquadram os aços que são produzidos por meio de processos de laminação, seja por aquecimento ou esfriamento. Os aços inoxidáveis, siliciosos e carbono/ligados se enquadram nessas especificações. Dentre os longos, destacam-se os aços utilizados para a construção mecânica.

3-) Os elementos de adição utilizados em aços especiais são o boro, cromo, manganês, níquel, silício, tungstênio, molibdênio, vanádio, cobalto e alumínio. Todos eles conferem mais qualidade a liga de ferro-carbono, e são utilizados para as mais variadas funções.

4-) O aço especial mais utilizado certamente é o inoxidável, pois além de conferir resistência, o material é amplamente empregado pela indústria em virtude de suas características mecânicas, de limpeza e de acabamento. São divididos entre três tipos distintos: Martensíticos, Ferríticos e Austeníticos. Geralmente eles são comercializados como bobinas e chapas.

5-) A China é a maior produtora mundial de aços especiais, sobretudo do inoxidável. Inclusive, todos os anos, a produção em toneladas desse tipo de aço cresce gradativamente em cada parte do globo. Segundo a Associação Brasileira de Aço InoxidávelABINOX, o Brasil produziu 345,6 mil toneladas de aço inox em 2015.

A Arinox, empresa do segmento de comercialização de aço inox, trabalha na venda de barras, tubos, bobinas e chapas com material comprovadamente de qualidade para a sua empresa.

Se gostou do texto, não deixe de compartilhá-lo nas redes sociais. Até a próxima.